sexta-feira, 31 de agosto de 2012

17 países, regiões e cidades ameçados pelas alterações climáticas

1.Palau - É uma das muitas nações do Pacífico que corre perigo. O aumento do nível médio do mar está a levar à erosão das costas de Palau, destruição da agricultura local pelo mar e a ameaçar os recifes. “É um tsunami lento”, explicou o presidente do pequeno País, Johnson Toribiong.

2.Kiribati - Outro pequeno conjunto de ilhas do Pacífico, Kiribati poderá desaparecer dentro de algumas décadas. O presidente Anote Tong fala de uma “migração com dignidade” e poderá comprar 2.400 hectares de terra às Ilhas Fiji, por €7,6 milhões.

3.Bangladesh - Num ano normal, um quarto do Bangladesh fica regularmente inundado. Em cada quatro ou cinco anos, perto de 60% do território sofre da mesma catástrofe.

4.Miami - Segundo a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), Miami é uma das cidades mais vulneráveis do mundo, tendo em conta o aumento do nível médio do mar. A cidade vai investir €160 milhões para tentar lutar contra o seu (até agora, inevitável) destino.

5.Tuvalu - Os habitantes de Tuvalu, um dos mais isolados países do Planeta, já vivem em casas construídas em cima do mar. Mas as fontes de água fresca são o grande problema desta micro nação.

6.Maldivas - É um dos países mais referidos quando se fala de alterações climáticas – e será um dos primeiros a desaparecer do Planeta.

7.Barbados - A nação das Caraíbas acolheu a primeira Conferência Global das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável das Pequenas Ilhas-Estado, em 1994. Parte das regiões costeiras mais baixas estão em perigo, o que afectará, por exemplo, a produção agrícola da Ilha.

8.Filipinas - Com 7.100 ilhas e uma costa com 18 mil quilómetros de extensão, o arquipélago das Filipinas está já a trabalhar num sistema de “prevenção e migração”, visto ter diversas áreas de risco.

9.Califórnia - Nem o célebre Estado norte-americano foge à erosão costeira e aumento do nível do mar. Segundo um estudo do Natural Resources Defense Council norta-americano, a Califórnia tem um dos melhores planos do mundo para lidar com as alterações climáticas, o que dá a entender o risco que esta região sofre e a preocupação dos Governantes.

10.Nova Iorque - É outros dos clássicos das alterações climáticas e presença assídua nos filmes de ficção científica. Segundo um relatório da ONG Climate Central, milhares de habitantes de Nova Iorque correm riscos com as inundações futuras na cidade, que têm como origem… as alterações climáticas.

11.Vancouver - A cidade canadiana não escapa aos perigos das alterações climáticas e o planeador urbano Andrew Yan disse recentemente que a cidade precisa de investir €400 milhões para renovar os seus diques – e construir novos – e assim proteger os seus monumentos e principais edifícios e ruas.

12.Ilhas Salomão - Segundo o The Guardian, as Ilhas Salomão já estão a sentir na pele o efeito das alterações climáticas e subida no nível médio do mar. E ainda estamos só no início.

13.Micronésia - A subida do nível médio do mar está já a inundar alguns cemitérios da Micronésia. “Nem os mortos estão seguros no meu País”, explicou à ABC o embaixador das Nações Unidas para a Micronésia.

14.Xangai - Se a proximidade de Xangai à água proporcionou crescimento económico, também irá criar problemas ligados à subida do nível médio do mar. Segundo o Climate Wire, a cidade já gastou milhões de euros para reconstruir as suas infra-estruturas, para a proteger das potenciais inundações.

15. Ilhas do Estreito de Torres - Estas pequenas ilhas entre a Austrália e a Nova Guiné têm desafios idênticos a Kiribati e Tuvalu. Mas ainda são mais desconhecidas.

16.Papua Nova Guiné - Muitas das ilhas mais pequenas deste País estão ameaçados, uma situação que ganhou contornos dramáticos nos últimos 10 a 20 anos.

17.Ilhas Cook - Tal como outras ilhas do Pacífico, as Cook estão ameaçadas pela subida do nível médio do mar. E até já há prejuízos na indústria e turismo da ilha.

Retirado daqui

Sem comentários:

Enviar um comentário

Agradeço antecipadamente o teu comentário, espero que tenhas gostado deste espaço. A tua Opinião conta muito para mim! Obrigada