terça-feira, 6 de novembro de 2012

Florestas britânicas sob “ameça sem precedentes” de pestes e doenças

A florestas do Reino Unido estão debaixo de uma “ameaça sem precedentes” das pestes e doenças estrangeiras, de acordo com o departamento governamental responsável pela protecção das florestas e bosques do País.

Na semana passada, a descoberta do fungo Chalara Fraxinea em East Anglia confirmou este risco para a floresta britânica, que já viu morrer três milhões de árvores nos últimos três anos.

Desde Março, mais de 100 mil freixos já foram destruídos para evitar que o fungo se espalhe. Paralelamente, várias coníferas foram também cortadas na área oeste inglesa, no País de Gales e Escócia, de forma a prevenir uma doença denominada Phytophthora.

Os especialistas em plantas estão particularmente preocupados com a traça dos carvalhos, que chegou a Londres em 2009 e que já se desenvolveu em duas grandes populações. “Tem o potencial para se espalhar para todo o lado onde haja carvalhos. Está a estender o seu alcance e tornou-se estável na Bélgica e Holanda, possivelmente devido às alterações climáticas e Invernos mais quentes”, concluiu a comissão florestal.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Agradeço antecipadamente o teu comentário, espero que tenhas gostado deste espaço. A tua Opinião conta muito para mim! Obrigada