terça-feira, 30 de outubro de 2012

Alterações climáticas podem alterar cadeia alimentar marinha

O aumento da temperatura dos oceanos está a colocar em causa a cadeia alimentar dos Oceanos, a começar nos fitoplânctones, conjunto de organismos aquáticos microscópicos, com capacidade fotossintética, e que vivem dispersos na água, flutuando.

Ora, os fitoplânctones são a base da pirâmide da cadeia alimentar marinha, pelo que é de temer uma disrupção, a curto prazo, neste sistema.

“Os fitoplânctones evoluíram muito bem nas temperaturas correntes, mas se não o continuarem a fazer, o aquecimento deste século irá levar a que a sua diversidade nos oceanos tropicais decresça consideravelmente”, explicou Mridul Thomas, autor do estudo da Michigan State University.

Para além de serem a base da cadeia alimentar marinha, estes microrganismos consomem perto de metade do dióxido de carbono que entra na atmosfera, levando-o consigo, para o fundo do mar, quando morrem.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Agradeço antecipadamente o teu comentário, espero que tenhas gostado deste espaço. A tua Opinião conta muito para mim! Obrigada